Um menino de 11 anos, que se formou na faculdade no sábado (21), revelou que irá se tornar um astrofísico para provar a existência de Deus.

William Maillis é o aluno mais jovem a se formar no St. Petersburg College, na Flórida. Ele já tem garantido uma vaga na Universidade de South Florida para aprofundar seus estudos.

Maillis começou a faculdade em 2016, depois de se formar no ensino médio com apenas nove anos de idade. Seu pai – que é um padre ortodoxo, revelou que seu filho mostrava habilidades incomuns para a matemática desde os dois anos de idade.

“Todo mundo recebe dons de Deus. Eu fui dotado de habilidade para ciência e história”, disse o menino gênio à CNN. “Quero provar que Deus existe através da ciência. Para que o mundo todo possa saber.”

Seu objetivo é concluir o doutorado quando tiver 18 anos.

Inteligência impressionante

A história do menino teve grande repercussão na imprensa. O evangelista Franklin Graham o elogiou por que, além da “inteligência impressionante”, William “não hesitou em falar sobre Deus”.

“Obrigado William, por querer que as pessoas conheçam a Deus. A infinita criação de Deus é um sinal para a humanidade de Sua existência e testifica do Seu poder e grandeza. Espero que você sempre mantenha seu foco nEle”, escreveu em seu perfil do Facebook, lembrando ainda da passagem de Provérbios 3:5-6: “Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento; reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas”.